segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014 | |

O poder do destino

Estou cada vez mais convencido de que planejar em demasia a vida é pura perda de tempo. O destino nos leva para caminhos jamais imaginados.

Há dois anos, quando um ex-colega de trabalho e eu faríamos uma viagem ao Canadá, tivemos que decidir se tiraríamos um visto de uma entrada no país (R$ 125 à época) ou de múltiplas entradas (R$ 250 à época). No caso das múltiplas, o visto valeria por cinco anos ou até vencer o passaporte.

Na ocasião, comentei com ele que tiraria o visto de uma única entrada porque, num prazo de cinco anos, jamais voltaria ao Canadá.

Pois é justamente para lá que estou indo, a trabalho, dois anos depois daquela afirmação.

Não duvide do poder do destino. Deixe a vida levá-lo para onde você tem que ir... E curta!

1 comentários:

Danilo Fernandes disse...

Sabe o que é isso brother?
VidaLOKA! Hahahahahahahaha sucesso, sempre Rodrigão.

Abs